Como sobreviver às próximas mudanças do Instagram?

ben-kolde-430913_mudanças no algorítimo do InstagramAnda circulando entre influenciadores digitais o texto de um blog com várias novas mudanças no Instagram (original aqui).

As mudanças não foram confirmadas pelo Instagram – algumas com certeza não foram implementadas e são antigos boatos, outras podem ser que aconteçam.

Mas o fato é que, realmente, o Instagram está sempre mudando seu algorítimo (regrinhas internas que decidem, por exemplo, pra quantos seguidores ou não seguidores seus posts podem aparecer).

Pontuei as principais alterações que o texto aponta como possíveis, abaixo, e coloquei várias soluções pra acabar com o seu, o meu, o nosso sofrimento! Rs

Exposição do conteúdo (algorítimo)

Possíveis mudanças:
– Seu conteúdo passaria a ser exposto, em média, a 10% do seu público – a não ser que seu engajamento seja incrível
– os grupos de curtidas podem ter gerado um grande número de pessoas banidas (shadow ban)
– Contas de negócios podem garantir uma visibilidade melhor para seu conteúdo

Comentários:
Que o alcance orgânico do Instagram caminha pra mostrar cada vez menos nosso conteúdo, não tenho dúvidas. Já escrevi em outros textos, as agências estimam que o alcance orgânico do Facebook esteja em menos que 2% (nesse post).

Esse é o caminho de toda rede social que cresce muito. Hoje, o Face mostra o conteúdo dos amigos a das páginas com quem/as quais você mais interage. Imagina que loucura vc receber na sua timeline o conteúdo de TODOS os seus amigos e páginas que você segue no Facebook, assim que eles postam? Ninguém ia dar conta de ficar na rede.

Sobre os grupos de curtidas, nem vou comentar… rs Quem me segue e minhas alunas no treinamento Digital fashion, sabem bem a minha opinião (aqui).

Já as contas comerciais são obrigatórias para influenciadores digitais, devido ao acesso que ela dá às estatísticas (do perfil e agora de cada post), ao link no stories quando atingimos 10K e por aí vai.

Soluções:
A resposta pra todas essas questões é, claro, adotar a conta comercial se você ainda não o fez e trabalhar FORTEMENTE seu engajamento. É ele quem vai te diferenciar e fazer com que o Instagram mostre seu conteúdo para mais e mais pessoas. Falamos desse tema na sequência!

Engajamento

Possíveis mudanças:
– Quem não responder aos comentários deixados em suas postagens dentro de 60 minutos pode ter o engajamento penalizado

– Comentários curtinhos (uma ou duas palavras) ou apenas com emojis podem não contar no seu engajamento
– Stories podem aumentar o seu engajamento (nada muito novo!)

Comentários:
Sempre falo para as minhas alunas que essa história de fazer a blasé e não responder seguidores para parecer mais importante do que é já era. Até Camila Coutinho, com milhares de seguidores, dá um jeitinho de responder, vira e mexe.

Não dá pra exigir que essas influenciadores galáticas respondam todo mundo. Mas, principalmente você, em início ou “meio” de carreira, tem a praticamente a obrigação (desculpa… ) de responder todo mundo no direct e nos comentários.

Soluções:
Dou algumas estratégias para aumentar o engajamento nesse vídeo (clique para assistir). E te ajudei a avaliar seu engajamento nesse post aqui (confira).

Mas o fato é que algumas coisas SEMPRE ajudam muito a manter o engajamento em dia:
– Stories diários
– Lives semanais (lives em conjunto, melhor ainda!)
– Posts frequentes (preferencialmente 1 vez ao dia, em horário nobre)
– Hashtags estratégicas, de nicho (traz pessoas que não estão te seguindo para consumir seu conteúdo)
– Construir o senso de comunidade (é o mínimo responder sempre a quem se dá ao trabalho de comentar seus posts e te enviar um direct 😉 )

Vou falar mais sobre isso em nossa próxima aula gratuita:

banner webinario

Hashtags

Possíveis mudanças:
– Usar as 30 hashtags permitidas (pelas regras do Instagram, atualmente) pode virar spam
– Hashtags postadas nos comentários podem deixar de ser contabilizadas nas buscas
– Editar suas legendas até 24h depois de postadas ou deletar um post e repostar pode prejudicar seu engajamento

Comentários:
Esses pontos estão sempre pairando no ar. Eu não acredito muito neles. Essa foto acima mostra o posicionamento de uma aluna nas hashtags do nicho dela (@patdroeber , lembranças personalizadas).

Essas outras fotos (abaixo) mostram o nível de descoberta de um post dela (43%) e como as hashtags (657 impressões) foram importantes nesse processo de trazer gente nova para ter contato com seu conteúdo.

Então, eu te pergunto… Você tem dúvida de as hashtags, bem usadas, funcionam?

Soluções:
Até que o Instagram mude essa regra no código oficial deles (imagem ao lado), continuo recomendando o uso das hastags nos comentários.

Desde o primeiro dia de @opoderdaimagem (hoje, com mais de 70K) uso até 30 hashtags por post, sempre no primeiro comentário para deixar a legenda limpa. E tenho MUITOS resultados com isso, assim como a minha aluna acima.

Acompanhe as mudanças oficiais do Instagram em seu blog oficial (aqui) ou pela Central de Ajuda (aqui). 😉

Ufa, texto longo, mas necessário. Rs
Espero que você tenha gostado das dicas!

Bjs e até mais! 😉

Dani Almeida
Jornalista, consultora de imagem e Influenciadora digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *